segunda-feira, 20 de março de 2017

Maquiando a carne



Acordei cedo nesta segunda para me apresentar para um teste de emprego que fui convidado na sexta-feira passada. 

Desculpe a falta de educação, meu nome é Antônio e trabalho há muitos anos como maquiador de mortos. Isso mesmo. Sou eu o cara responsável por deixar o seu ente querido que se encontra falecido, com uma aparência agradável para seu velório. 

Já estou desempregado há alguns meses e vi nesse telefonema que recebi, uma oportunidade de finalmente poder colocar comida na mesa de casa e poder quitar as minhas dívidas. 

Pediram para que eu levasse meu kit de maquiagem, pois haveria um teste prático. Obviamente procurei fazer meu trabalho com a maior eficiência possível e o resultado pode ser visto na imagem logo acima. 

Sim, exatamente, se trata de um cadáver maquiado. 

Ao fim do procedimento o examinador deu seu parecer: 



Piada ruim a parte, essa foi a forma que este blog encontrou para demonstrar sua indignação com a situação que vivemos na chamada "crise da carne maquiada" no Brasil. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pode comentar, é de graça