segunda-feira, 13 de abril de 2015

As manifestações estão perdendo as forças?




Para quem viu as manifestações do dia 15 de Março e fez uma comparação com essa do último domingo 12 de Abril, percebeu que o número de pessoas que participaram e aderiram ao movimento, diminuíram e muito. 

O que será que isso significa? Será que as manifestações populares estão perdendo as forças?

A expectativa dos organizadores era que os números ultrapassassem os alcançados nos manifestos anteriores, mas não foi isso que foi observado. 

Não que tenha sido um fracasso, mas é inevitável as comparações. Talvez isso tenha demonstrado um enfraquecimento da causa.

Por que será que as forças foram perdidas? Será que o povo não acredita mais que alguma mudança possa ocorrer e resolveram simplesmente aceitar, levando em conta também que as eleições já acabaram? Será mesmo que somente na próxima que poderão fazer algo?

A ex-candidata Marina Silva divulgou uma nota de apoio às manifestações, porém também destacou a diminuição do número de pessoas que aderiram ao protesto e classificou como sendo um aumento da desesperança.  

De qualquer forma, em uma particular observação, acredito que de agora para frente as pessoas cada vez menos "comprarão" a causa, a não ser que aconteça algo muito grave como foi o do aumento do preço da passagem, pois caso o contrário, os números continuarão caindo. 

Não que a causa esteja perdida, mas a impressão que dá é que está sendo em vão. E os manifestos já não estão sendo mais um bom programa para os finais de semana. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pode comentar, é de graça