terça-feira, 22 de abril de 2014

As jogadas do futebol inspirada no universo sobre rodas



Não sei se vocês já haviam reparado, mas muitos dos nomes dos dribles que são dados no futebol são inspirados em algum meio de transporte sobre roda. 

Não se sabe ao certo como surgiu certas inspirações para os nomes, mas muitos desses nomes já fazem parte do vocabulário futebolístico, e é o que você verá a seguir. 

Pedalada 

Símbolo do futebol arte, a pedalada é o movimento em que o jogador passa os pés sobre a bola diversas vezes para enganar o adversário. Reza a lenda que o "inventor" do drible foi Didi, conhecido como Folha Seca, quando defendia o Botafogo na final do Campeonato Carioca de 1957. O movimento ajudou o craque a fazer um dos seis gols que tirou o título do Fluminense naquele ano. 


Carrinho

Esse certamente é um dos lances mais polêmicos do futebol. O jogador se atira no chão e projeta as pernas para frente. A intenção é atingir a bola, mas muitas vezes quem sai derrubado e machucado é o rival. Com o fair play em voga, o recurso tem sido menos tolerado pela arbitragem. 

Lambreta 

Utilizando as pernas, o atleta joga a bola para o alto de maneira que ela passe por cima dele próprio e do adversário. O jogador, então, domina a bola por trás do marcador e continua a jogada.

Gol de Placa 

Maracanã, 1961. Pelé entrava em campo  pelo Santos para uma partida contra o Fluminense pelo Torneio Rio-São Paulo. Durante o jogo o rei driblou seis adversários antes de fazer um histórico gol. A jogada foi tão incrível que o estádio o aplaudiu de pé e o jornalista Joelmir Beting mandou fazer uma placa em homenagem ao gol para colocar em frente ao estádio. No letreiro, Beting cravou: "Neste campo, no dia 05 de Março de 1961, Pelé marcou o tento mais bonito da história do Maracanã". Desde então, a expressão "gol de placa" tem sido usada para se referir a golaços espetaculares do futebol.

Bicicleta 

O movimento consiste em jogar o corpo para trás e bater na bola com o pé no ar. Não há muito consenso sobre quem teria sido o primeiro a fazer a jogada. No Brasil, ela é atribuída a Leônidas da Silva, maior craque brasileiro nos anos 1930. Nos países vizinhos, corre a história de que o espanhol naturalizado chileno Ramón Unzaga teria sido o precursor, durante partida da seleção do Chile contra a Argentina em 1920. em homenagem ao atleta, a jogada ficou conhecida como "chilena" nesses países. 




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pode comentar, é de graça